D. Ana Cândida Veloso de Azevedo Ferreira
Benfeitora

Falecida a 10 de janeiro de 1829, há precisamente 190 anos, esta benfeitora deixou à Misericórdia do Porto, através de testamento, o prazo e os bens que possuía na comarca da Feira, bem como umas casas localizadas no Postigo do Carvão, na cidade do Porto. O produto da venda dos bens situados na Feira, que perfizeram o valor de 482$600 réis, foi recebido pela Santa Casa em 11 de março do mesmo ano.

O retrato de D. Ana Cândida, pintado por João de Almeida Santos em 1863, presentemente exposto na Sala dos Benfeitores do Museu, é um óleo sobre tela no qual a jovem benfeitora surge-nos numa atitude de escrita, apresentado cabelos armados ao gosto de setecentos, um vestido e joias, em que os elementos florais constituem um motivo de eleição.

A quantidade de joias que D. Ana Cândida enverga revela, segundo o historiador de arte Gonçalo de Vasconcelos e Sousa, "uma vontade provinciana de expressar a sua preponderância social - ou a vontade de a possuir...".


A utilização de cookies neste website tem como principal objetivo melhorar a sua experiência.
Ao clicar em qualquer link nesta página está a dar-nos a permissão para usar cookies.